NOTÍCIAS

Rodriguinho faz balanço do sub-20 e alimenta expectativa de classificação

20, Set de 2019

O time sub-20 do Serra Macaense teve um grande desempenho ao longo da temporada 2019 e atingiu os melhores resultados no Clube no cômputo geral das categorias. E a esperança de avançar para as semifinais do Campeonato Carioca – Série B1 ainda existe, mesmo que remota. Para o técnico Rodriguinho, a sensação de dever cumprido é grande, mas a expectativa de poder seguir vivo na competição também deixa um gosto especial no ar.

 

“Até o momento estamos batendo todas as metas do Clube estabelecidas para a categoria sub-20. Foram jogadores negociados com clubes grandes do país, dentro da ideia de formação, atingimos a classificação para o Torneio OPG 2020, jogamos contra o Vasco de igual para igual no OPG 2019, então estou bem satisfeito. Nós chegamos até aqui porque todos os garotos compraram a ideia do trabalho. No primeiro turno fomos excelentes, mesmo perdendo na semifinal, muito positivo. Depois, no returno, perdemos 13 atletas ao todo, entre negociações e lesões. Até a última rodada tivemos cinco jogadores 2002, sendo que três começando o jogo. Então para remontar uma equipe é difícil, para manter o alto nível do primeiro turno, bastante complicado, mas nós tivemos um resultado muito bom no segundo turno também, dentro dessas perdas. Os jogadores se dedicaram bastante, os problemas internos foram resolvidos na raiz, como acontece em qualquer clube e isso nada afetou o grupo, pelo contrário, deu ainda mais motivação para se fechar entre nós. E para gente ainda não acabou. Acreditamos que seja possível o Barra da Tijuca vencer e nós entrarmos. O pessoal da comissão acredita que vamos chegar. Sei que dependemos dos resultados paralelos, mas isso não é impossível. Tenho certeza que o Clube está satisfeito com o trabalho e o desenvolvimento do Sub-20”, afirmou o comandante.

 

Para conquistar a oportunidade de disputar a semifinal estadual, o Barra da Tijuca necessita vencer a Taça Corcovado. Qualquer outro resultado alija o Verdão do processo.

 

“Se o Olaria for campeão, ele está na final por ter ganho o primeiro turno e daí só entra o segundo e o terceiro lugar na classificação geral. Nós ficamos em quarto apenas por conta do saldo de gols. Se o Barra for campeão a gente entra. Se der Artsul ou Serrano, entra um deles, mais o Olaria, o Barra pela geral e o Audax. Vamos aguardar e se for o caso reapresentar segunda-feira para retomar os treinamentos”, finalizou.

 

O Serra Macaense em 2019 tem ao seu lado as seguintes empresas:  Academia Infinity, Studio da Coluna, Proway, Clínica Dr. Dennis Salles, Same Serviços Médicos, Gelito Easy, Alternativa Internet, Ícone Sports, Nobels Atacado, Portugal Negócios Imobiliários e Mata Sede Distribuidora de Água.

 

Foto: Eduardo Araujo/Serra Macaense